Veja dicas para manter a mente saudável durante o isolamento social – GAZ

0
48

Lima & Santana Propaganda, sua agência de publicidade e propaganda em Santos

.

Em tempos de isolamento social em consequência da pandemia do novo coronavírus, é ainda mais necessário falar sobre saúde mental. “Precisamos pensar em como ficar saudável durante esse período, para além das questões físicas”, diz a coordenadora da Saúde Mental da Secretaria da Saúde do Rio Grande do Sul, Marilise Souza.

“É muito comum a gente se sentir angustiado, triste ou preocupado, até mesmo confuso ou com raiva com essa situação em que estamos vivendo. A pessoa não precisa sentir culpa por se sentir assim”, ressalta Marilise. Ela explica, porém, que é preciso dosar o quanto esses sentimentos afetam a vida.

Uma pessoa não deve sentir vergonha de procurar ajuda, caso perceba que é muito difícil carregar sozinho a angústia. “Existem muitos profissionais que trabalham com saúde mental, como psicólogos, psiquiatras e outros, que estão disponibilizando seus serviços para ajudar quem está precisando”, salienta Marilise. Um exemplo de rede de apoio é o ReviraSaúde, onde é possível encontrar profissionais dispostos a conversar. Também é possível procurar os serviços de saúde mental pelo Sistema Único de Saúde (SUS).

LEIA TAMBÉM: Psicóloga dá dicas para manter a mente sã em momento de tensão e isolamento

O ReviraSaúde é uma rede virtual de profissionais que presta teleconsultoria à população que precisar de orientações sobre o cuidado na prevenção à Covid-19 e mesmo a profissionais de saúde que tiverem dúvidas em relação ao assunto. É um dispositivo da Rede de Educação em Saúde Coletiva (Resc), da qual a Escola de Saúde Pública (ESP), da Secretaria da Saúde (SES), faz parte. O atendimento é gratuito e pode ser acessado por telefone, Whatsapp, Skype, Facebook ou outro contato online.

Veja algumas dicas da Secretária da Saúde e da organização Mundial da Saúde (OMS) para manter a mente saudável durante o isolamento social:

  • Procure manter as rotinas de sono, faça exercícios físicos e tenha uma alimentação saudável.
  • Cuidar dos outros também faz bem. A solidariedade faz bem para quem a recebe e também para a saúde mental de quem a faz.
  • Não se exponha tanto às informações ao longo do dia. Procure fontes fidedignas e em alguns horários específicos. É importante se manter informado, mas o excesso pode causar ansiedade ou estresse.
  • Evite o uso de tabaco, álcool e outras drogas.
  • Mantenha o contato virtual com familiares e amigos frequentemente.
  • Esteja alerta aos sinais de estresse e raiva nas crianças e idosos que estão sob nossa tutela. Explique a essas pessoas a importância de se proteger e tentar acalmá-los.
  • Ajude as crianças a se expressarem, com atividades criativas e lúdicas.
  • O profissional de saúde não é incapaz de realizar seu trabalho nem é uma pessoa fraca porque está passando por um momento de maior ansiedade. É indispensável fazer pausas entre os turnos e mesmo durante o turno de trabalho.
  • Busque o sistema de saúde quando for realmente necessário.

LEIA MAIS: ACOMPANHE A COBERTURA COMPLETA SOBRE O CORONAVÍRUS



Fonte



Outros sites desenvolvidos pela Lima & Santana Propaganda


Lima & Santana Propaganda