Reabertura do comércio em Santos será após 31 de maio

0
13

Lima & Santana Propaganda, sua agência de publicidade e propaganda em Santos

.

A prefeitura municipal deve apresentar nesta terça, 19, o plano de reabertura gradual do comércio em Santos, que se iniciará a partir do começo de junho, tão logo acabe a quarentena imposta pelo estado, em 31 de maio.

De acordo com o prefeito santista, Paulo Alexandre Barbosa, a retomada se dará aos poucos e os estabelecimentos serão abertos gradativamente, divididos em bandeiras – branca, amarela, verde e vermelha, conforme fluxo de pessoas em cada um.

Os locais com menor fluxo reabrirão antes, já que o risco de contágio é menor, mas todos terão que seguir protocolos de segurança, explicou o secretário de Governo, Rogério Santos, que também participou da live, além do presidente da Associação Comercial de Santos, Mauro Sammarco.

A versão original do plano será debatida nesta terça, 19, de acordo com o prefeito, quando serão definidos os critérios, baseados na situação atual da saúde municipal. Serão levados em conta o número de casos de Covid-19 na cidade, que deverá estar em curva descendente, e a taxa de ocupação de leitos em UTI, recomendada em 60%. No sábado, 16, estava em 80%.

Quase 70 restaurantes no Festival Comer & Beber em Casa, com menus a partir de R$ 16

A ideia é que, a partir da próxima sexta, 22 de maio, já estejam liberados os 130 leitos do SUS, no antigo hospital Vitória, com recursos que fazem parte dos R$ 30 milhões liberados pelo Estado.

Paulo Alexandre afirmou ainda que a velocidade da reabertura do comércio em Santos dependerá do respeito da população às medidas de isolamento social.

50 filmes franceses liberados no Festival Varilux de Cinema

Medidas de incentivo fiscal

Ainda conforme o prefeito, o presidente da república, Jair Bolsonaro, deve sancionar até o dia 27 de maio a lei do programa de socorro a estados e municípios, aprovado este mês pelo Congresso Nacional. Tão logo, seja publicada, em até 48 horas a prefeitura anunciará as medidas de incentivo fiscal a empresários e comerciantes.



Fonte



Outros sites desenvolvidos pela Lima & Santana Propaganda


Lima & Santana Propaganda