Em meio à pandemia, número de queimados graves cresce 25% no Pronto-Socorro João XXIII – Rádio Itatiaia

0
42

Lima & Santana Propaganda, sua agência de publicidade e propaganda em Santos

.
Foto: Rômulo Ávila/ Itatiaia

O uso errado de álcool provocou aumento de 25% no número de internações por queimaduras graves no Pronto-Socorro João XIII, em Belo Horizonte, nos últimos 30 dias. De acordo com a médica Kelly Araújo, coordenadora de cirurgia plástica e do Centro de Tratamento de Queimados do hospital, são casos graves provocados, na maioria das vezes, por acidentes domésticos causados pelo aumento do uso de álcool desde o início da pandemia do novo coronavírus.

“Esses casos são graves. Nós não estamos falando de pequeno queimado que chega, é atendido e vai embora. Estamos falando do que estão ficando no hospital e isso não está muito diferente do observado no Brasil todo”, disse a médica. 

Kelly ressalta que as pessoas não precisam usar álcool em gel em casa, já que o recomendado é lavar as mãos com água e sabão. De acordo com a médica, muitos acidentados, inclusive crianças, passam álcool e não esperam secar. 
 



Fonte



Outros sites desenvolvidos pela Lima & Santana Propaganda


Lima & Santana Propaganda