Correção de cicatrizes: é possível?

0
57

Lima & Santana Propaganda, sua agência de publicidade e propaganda em Santos

.

Procedimentos para correção de cicatrizes inestéticas oferecem bons resultados e não interferem na rotina 

A correção de cicatrizes é uma opção que visa melhorar a aparência de uma cicatriz inestética, que pode ser decorrente de uma cicatrização ruim ou devido a problemas durante a recuperação da paciente.

A avaliação se o caso é cirúrgico ou qual procedimento tem potencial para amenizar a aparência da cicatriz deve ser realizada por um cirurgião plástico de confiança. Saiba mais a seguir!

Quando a correção de cicatrizes é indicada?

Em geral, o desejo pela correção de cicatrizes é estético, não ocasionando problemas de saúde à paciente, o que poderia acontecer em caso de inflamação ou infecção, por exemplo.

Existem diferentes tipos de cicatrizes inestéticas que podem justificar que a paciente busque auxílio de um cirurgião plástico para correção da cicatriz. Conheça os principais a seguir.

Queloides

As queloides consistem em cicatrizes que continuam crescendo devido à produção demasiada de colágeno. Elas podem ficar enrijecidas e avermelhadas com o passar do tempo, ficando maiores do que as margens iniciais da cicatriz. 

O surgimento da queloide depende de uma predisposição ao surgimento do problema, além de ocorrer mais frequentemente em locais do corpo com pele mais espessa.

Cicatriz hipertrófica

A cicatriz hipertrófica também apresenta uma estética indesejada devido à espessura, mas não ultrapassa as margens da cicatriz. Em geral, esse sinal torna-se mais ameno com o tempo, mas um tratamento especializado pode contribuir para melhores resultados mais rapidamente.

Cicatrizes alargadas

São cicatrizes que ficam com uma aparência final semelhante às estrias devido o afrouxamento dos tecidos logo abaixo da pele.

Cicatrizes discrômicas

Ocorre quando à cicatrização leva a um sinal de cor diferente do tom natural da pele, podendo ser mais escuro ou mais claro.

Quais os benefícios desse procedimento?

A correção de cicatrizes pode ser cirúrgica, envolver um procedimento estético menos invasivo, como a radioterapia, ou mesmo incluir cuidados rotineiros, como massagens e uso de produtos tópicos.

Independentemente do tratamento para correção de cicatrizes indicado pelo cirurgião plástico a conduta apresenta uma série de vantagens à paciente, como:

  • amenização do desconforto estético com a cicatriz;
  • maior autoestima e satisfação pessoal;
  • tratamento que pode ser inserido na rotina, sem alterá-la;
  • rápida recuperação no caso da cicatriz para correção;
  • eficácia dos tratamentos disponíveis.

Portanto, entre os principais benefícios do procedimento para correção de cicatrizes destacam-se o fato dele ser rápido e atender às expectativas da paciente.

Como é realizada a correção de cicatrizes?

Existem diferentes condutas para corrigir uma cicatriz inestética, sendo que a conduta mais apropriada vai depender do tipo de cicatriz, tempo, extensão, local afetado e avaliação particular do cirurgião plástico.

Por exemplo, em um paciente com predisposição à queloide o especialista deverá avaliar a conduta que apresenta menores chances de recorrência do problema e fazer um acompanhamento para determinar a intervenção mais adequada.

Quando a opção é pela cirurgia, uma incisão cirúrgica é feita no entorno da cicatriz, sendo feita a remoção do tecido cicatricial por meio de bisturi. O fechamento da incisão é com pontos internos absorvíveis para garantir uma estética mais agradável após a cicatrização.

Portanto, se o objetivo é a correção de cicatrizes inestéticas é essencial uma consulta com um cirurgião plástico que vai avaliar a situação e indicar a conduta mais apropriada ao caso.

 

Faça parte do nosso grupo no Telegram e fique por dentro do dia a dia da clínica, além de informações exclusivas sobre beleza, bem-estar e eventos que só vão acontecer para este canal.

Procedimentos para correção de cicatrizes inestéticas oferecem bons resultados e não interferem na rotina 

A correção de cicatrizes é uma opção que visa melhorar a aparência de uma cicatriz inestética, que pode ser decorrente de uma cicatrização ruim ou devido a problemas durante a recuperação da paciente.

A avaliação se o caso é cirúrgico ou qual procedimento tem potencial para amenizar a aparência da cicatriz deve ser realizada por um cirurgião plástico de confiança. Saiba mais a seguir!

Quando a correção de cicatrizes é indicada?

Em geral, o desejo pela correção de cicatrizes é estético, não ocasionando problemas de saúde à paciente, o que poderia acontecer em caso de inflamação ou infecção, por exemplo.

Existem diferentes tipos de cicatrizes inestéticas que podem justificar que a paciente busque auxílio de um cirurgião plástico para correção da cicatriz. Conheça os principais a seguir.

Queloides

As queloides consistem em cicatrizes que continuam crescendo devido à produção demasiada de colágeno. Elas podem ficar enrijecidas e avermelhadas com o passar do tempo, ficando maiores do que as margens iniciais da cicatriz. 

O surgimento da queloide depende de uma predisposição ao surgimento do problema, além de ocorrer mais frequentemente em locais do corpo com pele mais espessa.

Cicatriz hipertrófica

A cicatriz hipertrófica também apresenta uma estética indesejada devido à espessura, mas não ultrapassa as margens da cicatriz. Em geral, esse sinal torna-se mais ameno com o tempo, mas um tratamento especializado pode contribuir para melhores resultados mais rapidamente.

Cicatrizes alargadas

São cicatrizes que ficam com uma aparência final semelhante às estrias devido o afrouxamento dos tecidos logo abaixo da pele.

Cicatrizes discrômicas

Ocorre quando à cicatrização leva a um sinal de cor diferente do tom natural da pele, podendo ser mais escuro ou mais claro.

É possível corrigir cicatrizes?

Quais os benefícios desse procedimento?

A correção de cicatrizes pode ser cirúrgica, envolver um procedimento estético menos invasivo, como a radioterapia, ou mesmo incluir cuidados rotineiros, como massagens e uso de produtos tópicos.

Independentemente do tratamento para correção de cicatrizes indicado pelo cirurgião plástico a conduta apresenta uma série de vantagens à paciente, como:

  • amenização do desconforto estético com a cicatriz;
  • maior autoestima e satisfação pessoal;
  • tratamento que pode ser inserido na rotina, sem alterá-la;
  • rápida recuperação no caso da cicatriz para correção;
  • eficácia dos tratamentos disponíveis.

Portanto, entre os principais benefícios do procedimento para correção de cicatrizes destacam-se o fato dele ser rápido e atender às expectativas da paciente.

Como é realizada a correção de cicatrizes?

Existem diferentes condutas para corrigir uma cicatriz inestética, sendo que a conduta mais apropriada vai depender do tipo de cicatriz, tempo, extensão, local afetado e avaliação particular do cirurgião plástico.

Por exemplo, em um paciente com predisposição à queloide o especialista deverá avaliar a conduta que apresenta menores chances de recorrência do problema e fazer um acompanhamento para determinar a intervenção mais adequada.

Quando a opção é pela cirurgia, uma incisão cirúrgica é feita no entorno da cicatriz, sendo feita a remoção do tecido cicatricial por meio de bisturi. O fechamento da incisão é com pontos internos absorvíveis para garantir uma estética mais agradável após a cicatrização.

Portanto, se o objetivo é a correção de cicatrizes inestéticas é essencial uma consulta com um cirurgião plástico que vai avaliar a situação e indicar a conduta mais apropriada ao caso.

 

Faça parte do nosso grupo no Telegram e fique por dentro do dia a dia da clínica, além de informações exclusivas sobre beleza, bem-estar e eventos que só vão acontecer para este canal.

Autor do Conteúdo

Foto DR. Luciana

| DRA. LUCIANA LEONEL PEPINO


CRM-SP 106.491 | RQE: 25827

  • Membro Especialista em Cirurgia Plástica pela Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica – SBCP.
  • Residência em Cirurgia Plástica no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Residência médica em Cirurgia Geral no Hospital Universitário São José – Belo Horizonte (MG).
  • Formada em Medicina pela Faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais – Belo Horizonte (MG).
http://www.lucianapepino.com.br/

Dra. Luciana Pepino

Formada em 1996 pela Faculdade de Ciências Médica de Minas Gerais em Belo Horizonte, fiz minha especialização em Cirurgia Geral por 2 anos e Cirurgia Plástica por mais 3 anos no Hospital São Universitário São José, também em Belo Horizonte (MG).



Fonte



Outros sites desenvolvidos pela Lima & Santana Propaganda


Lima & Santana Propaganda