Chocolates saudáveis: nutricionistas indicaram e nós testamos

0
4

Lima & Santana Propaganda, sua agência de publicidade e propaganda em Santos

.

Chocolates brasileiros que valem o investimento

Em matéria de chocolates saudáveis, todos os especialistas concordam: quanto mais cacau e menos açúcar e gordura, melhor. E uma marca que traz boas quantidades de massa de cacau é a AMMA — suas barras contém 60%, 70%, 75% e até 100%! E tudo orgânico.

AMMA/Reprodução Instagram

Eles não só fabricam o chocolate, como também produzem o próprio fruto no Sul da Bahia — em um cultivo totalmente orgânico, biodinâmico e sustentável, com o intuito de integrar e preservar a Mata Atlântica ao redor.

Na boca, o resultado é incrível. “Os grãos são selecionados e todas as etapas são feitas pensando na qualidade de plantio, processo, tratamento e fermentação. Essa qualidade começa, inclusive, nas condições de trabalho e no respeito a quem cuida da terra”, afirma Diego Badaró, mestre chocolateiro da AMMA e CEO da empresa.

A barra Nibirus 75% chamou a atenção da redação. Ela contém nibs de cacau em sua composição (e açúcar, apesar de orgânico). “A intensidade do chocolate 75% é reforçada com ainda mais intensidade dos nibs. O sabor que marca presença e a textura crocante pedem para você comer mais um pedaço”, afirma a repórter Amanda Panteri, depois de provar. “O cacau é o principal ingrediente do chocolate no produto. O que é ótimo, pois o torna rico em antioxidantes”, explica a nutricionista Roseli Ueno Ninomiya (@roseli_ueno).

Compre aqui. 

Para os públicos com necessidades específicas na alimentação, há cada vez mais produtos nichados. É o que acontece com os celíacos, que precisam evitar o glúten; com os intolerantes à lactose, que não podem ingerir a substância presente no leite; com os diabéticos, que seguem dietas com restrição de açúcar; e com os veganos, que não consomem produtos de origem animal.

Por isso, com ajuda profissional, selecionamos algumas opções de marcas. É só você escolher qual se encaixa melhor no seu cardápio e se deliciar:

Continua após a publicidade



Fonte